Melhores livros de romance Brasileiros

Já sentiu necessidade de ler alguma obra brasileira, mas não sabe muito bem por onde começar? Vou dar uma dica, não comece pelos livros clássicos. Isso porque são ricos em uma linguagem literária antiga, capaz de confundir e até fazer desistir, alguns novos leitores.

Por isso a recomendação é começar com livros de leitura fácil, que fluem naturalmente, sem ajuda de um dicionário do lado. Vamos deixar uma lista aqui, com romances brasileiros que valem muito a pena.

Série Perdida, Clarice Rissi

Perdida, é uma história que se desenvolve a partir da personagem Sophie, que vive no século vinte e um, mas aparentemente não consegue se identificar romanticamente com ninguém de sua época. Isso é confirmado, quando a mulher é transportada para décadas antes de seu tempo.

No início a obra não chama muita atenção, e as primeiras páginas não passam muito ânimo, por ser uma história de clichês românticos. Mas depois de superar a barreira que as são sempre as primeiras páginas de um livro, a linguagem se desenvolve, assim como a produção narrativa, que se desenrola de forma animadora.

É um livro que consegue provocar diversas emoções, faz-nos identificar rapidamente com a personagem principal. Felizmente a obra Perdida, é uma série de livros.

Encontrada, sua sequência, consegue ser uma experiência ainda mais gostosa do que a primeira. Arranca diversos suspiros e consegue fazer o coração doer, com as percas dos personagens, é claramente uma série que vale muito a pena ser lida.

Quarenta dias, de Maria Valéria Rezende

Alice se vê na cidade de Porto Alegre pela primeira vez, graças a pressão de sua filha, a professora aposentada faz um santo no escuro e decide se mudar para o então desconhecido lugar. Revoltada com sentimento de solidão, Alice começa a registrar seus sentimentos em uma diária, que fará nos contar sua história.

A história tem sua reviravolta quando descobre que Cícero, filho de sua amiga, desapareceu em meio a cidade. E por 40 dias, ela começa uma busca insana.

O livro é muito bem escrito, e não é à toa que foi vencedor do prêmio Jaboti, de romance em 2015. É um livro capaz de surpreender com as descrições e escrita leve, que pode sufocar em alguns momentos. Esse livro, não pode faltar na sua estante.

Mônica vai jantar, de Davi Boa ventura

Esse livro é um de dinâmica, completamente diferente. Desde o início o autor nos causa desconforto proposital, com falta de pontuação, as vezes sem concordância, sem letras maiúsculas ou qualquer aviso aos diálogos, as informações te atropelam, como se não pedissem licença. É a verdadeira retratação de ferramenta narrativa, quando um momento é estendido de forma tão grande, capaz de criar um sentimento que oprime.

Em certa parte da trama você já está acostumado com a escrita, e não consegue parar, simplesmente precisa saber como a consequência de acontecimentos vai afetar, ou não, a ida de Mônica até o jantar.

É um livro que passa batido, mas suas intenções constroem de foram fascinante o interesse.

628

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.